Braille Briks: Peças de montar que ensinam a ler e escrever em Braille

3 de março de 2017 | Comente!

Saiba mais sobre a iniciativa que permite às crianças aprender o alfabeto Braille brincando!

post0303

“Toda Criança Pode Aprender” escrito em braile a partir de ferramenta do site Braille Bricks.

Uma brincadeira divertida e popular entre as crianças é arquitetar construções com peças de montar. Além de estimular a criatividade, essa é uma atividade que pode ser feita pela criança sozinha ou em grupos de tamanhos variados.

Pensando no quanto o jogo é querido pelas crianças, a agência de publicidade Lew’Lara/TBWA, em parceira com a Fundação Dorina Nowill para Cegos, idealizou o Braille Bricks: um conjunto de peças de montar cujos suportes e encaixes seguem as letras do alfabeto Braille.

Para quem não conhece, segundo informações publicadas no site da revista Nova Escola, que podem ser conferidas aqui, o Braille é formado por 64 combinações de pontos em relevo que representam algarismos, letras e pontuação e que permitem a pessoas cegas ou com baixa visão ler e escrever. Cada símbolo pode contar com até 6 pontos em relevo dispostos em duas colunas de até três pontos cada. A leitura é feita a partir do tato, da esquerda para a direita.

O alfabeto Braille é produzido, então, no formato de peças de montar do Braille Bricks, formando um kit em que cada letra corresponde a uma peça, conforme ilustrado abaixo:

post03031

O material permite que crianças com dificuldades relacionadas à visão aprendam leitura e escrita ludicamente, facilitando a aprendizagem do Braille também às famílias, aos educadores e às outras crianças. Além disso, o kit pode ser uma ferramenta importante de integração, pois possibilita a qualquer um participar da brincadeira com os blocos de montar.

A diretora da Fundação Dorina Nowill Para Cegos, Eliana Cunha Lima, comenta este e outros aspectos do Braille Bricks em um dos vídeos veiculados pelo projeto:

Atualmente, a Fundação conseguiu viabilizar a produção de kits para atender cerca de 300 crianças, porém qualquer empresa pode reproduzir o material, que está disponível no Creative Commons , ou seja, com licenças jurídicas gratuitas. Há também uma campanha para produção de Braille Bricks em larga escala que recebe assinaturas e doações e que é divulgada pela hashtag #BrailleBricksForAll.

Para saber mais:

Follow The Colours: Braille Bricks transforma blocos de montar em ferramenta de alfabetização para crianças cegas

Outros posts que podem interessar:

Educação é um direito de todos: da lei às práticas inclusivas

Criança faz inclusão dos pais surdos em apresentação de música

Algo que queremos ver mais

Compartilhe!

Participe da conversa!