O poder do exemplo

17 de fevereiro de 2014 | 2 comentários

“Faça o que eu falo, mas não o que eu faço”. Parece óbvio, essa postura não funciona com as crianças!

“Vá estudar”, “Coma as verduras” ou “Seja educado” são tipos de orientações que as crianças jamais vão seguir se o adulto que as dizem não abre um livro há décadas, não come direito ou grita com outros motoristas no trânsito.

As crianças aprendem muito mais observando do que ouvindo ordens. A campanha “Faça sua influência positiva” de uma organização australiana fez um vídeo para mostrar que as crianças são uma responsabilidade de todos nós.

O vídeo é antigo, mas o tema continua atual.

 

 

E você, o que tem visto de boas influências para os pequenos por ai?

 

 

Compartilhe!

2 Comentários

  1. Pamela Greco
    18 de fevereiro de 2014

    Tocante, no mínimo, o vídeo.
    É bem isso… o que mostra também a importância do contexto social e de as pessoas (principalmente professores) entenderem como isso se reflete dentro da escola.

    Responder
  2. Ricardo Santos
    17 de março de 2014

    Tenho uma filha de 9 meses e observo que ela ,se desenvolve, aprende e assimila as coisas de acordo com seu ambiente e convive-o com os pais e atos dentro de casa,
    Isso reflete muito no desenvolvimento deles.
    IG @papaifresco

    Responder

Participe da conversa!